Instagram Youtube Flickr

Festival de Coros: música de qualidade e emoção

O relógio marcava 17h quando a oitava edição do Festival de Coros iniciou. O público, que lotou na tarde deste domingo (11) o Salão de Festas da sede Alto Petrópolis, pode apreciar as apresentações de cinco coros, que passearam da música clássica ao pop gaúcho.

O primeiro a se apresentar foi o coro anfitrião, que completa 10 anos de existência em 2016. Sob a regência do maestro João Fernando de Azambuja Araújo e preparo da soprano Carolina Veloso, os coralistas do Grêmio Náutico União (GNU) cantaram quatro músicas, com destaque para o grand finale com Insalata Italiana, uma homenagem à ópera italiana.

O Coral do DMAE (Departamento Municipal de Água e Esgotos) deu prosseguimento, com um repertório  marcado por músicas brasileiras. Esta também foi a marca do Vocal Mandriális, que se apresentou na sequência.

O Vocal Cinco foi o próximo. Campeão do quadro A Capella 2016, do programa Domingão do Faustão, o quinteto emocionou o púbico com interpretações de You’ve Got a Friend, de Carole King, e Dia Especial, de Duca Leindecker, entre outras canções.

O último coral a subir ao palco foi o da UFRGS (Universidade Federação do Rio Grande do Sul). O premiado iniciou apresentou músicas clássicas e, ao final, brindou o público com Somebody to Love, dos britânicos do Queen.

O festival chegou ao fim com a reunião de todos coralistas no palco para cantar o Hino Riogranense, sob regência do maestro João Fernando de Azambuja Araújo. Confira abaixo algumas imagens e veja mais na página do GNU no Facebook.

 

Fotos: Mariana Fontoura

  • Coral do União

  • Coral do DMAE

  • Vocal Mandriális

  • Vocal Cinco

  • Coral da Ufrgs