Instagram Youtube Flickr

Graciele Herrmann e André Pereira garantem vaga nos Jogos Olímpicos

Foi no detalhe e no último dia da competição que Graciele Herrmann, atleta do Grêmio Náutico União (GNU), confirmou vaga em sua segunda Olimpíada – a anterior foi em 2012, em Londres.

A nadadora pelotense garantiu classificação nesta quarta-feira (20) nos 50m Livre Feminino, no Centro Aquático Olímpico, no Rio de Janeiro, durante as finais do Troféu Maria Lenk. Com a classificação, pela primeira vez o GNU terá dois nadadores nos Jogos Olímpicos, já que André Pereira obteve [indice para compor a equipe brasileira que disputará o Revezamento 4x200m – o Brasil ainda não está com vaga garantida nesta prova, mas por ser o melhor na repescagem, possui grandes chances de se classificar..

Graciele atingiu a marca de 24s92 no Troféu Open de Natação, primeira seletiva, realizada em dezembro, em Palhoça (SC). Na final do Maria Lenk, Graciele conquistou o bronze com a marca de 25s08. Com os resultados das duas seletivas, a nadadora gaúcha possui o segundo melhor tempo na prova.

Confirmamos a vaga, agradeço a toda torcida do GNU, ao pessoal do RS e vamos com mais força, porque 50m Livre é a minha prova e vou buscar baixar (o tempo) cada vez mais – ressaltou a atleta emocionada, agradecendo especialmente sua mãe, Selma.

Na final dos 800m Livre, a nadadora unionista Viviane Jungblut ainda conquistou o ouro. Betina Lorscheitter também disputou esta prova.

 

Resultados

Finais | Quarta-feira

50m Livre Feminino

Graciele Herrmann – 25s08 (3º lugar)

 

800m Livre Feminino

Viviane Jungblut – 8m40s71 ( 1º lugar)

Betina Lorscheitter – 9m27s24 (13º lugar)

Atletas que nadaram pela manhã – resultados consolidados

Gabriela Cordeiro – 9m05s69 (9º lugar)

 

1500 Livres Masculino ( 1ª e 2ª série pela manhã)

Alexandre Finco – 15m48s52 (7º lugar)

Luiz Gustavo Barros – 15m51s81 (8º lugar)

Fernando Ponte – 15m51s23 (9º lugar)

Alexandre Spies – 17m13s62 (25º lugar)

 

Eliminatórias

50 metros Livre Masculino

Gustavo Louzada – 23s27 (31º lugar)

Guilherme Roth dos Santos – 23s26 (30º lugar)

Lucas Paloschi – 23s39 (33º lugar)

André Daudt – 23s18 (23º lugar)

 

50 metros Livre Feminino

*Graciele Herrmann – 25s35 ( 3º lugar) *Final A

Juliana Marin -26s74 (21º lugar)

 

GNU no top 6 do Brasil

Na classificação entre clubes, o GNU ficou em sexto lugar. Além de classificar dois atletas para os Jogos Olímpicos, Graciele Herrmann e André Pereira, o Clube conquistou duas medalhas na série internacional e três na nacional. Viviane Jungblut foi ouro nacional e internacional, Graciele Herrmann foi bronze em ambas e Juliana Marin foi bronze nacional.

 

Quem é Graciele Herrmann

Natural de Pelotas, a atleta de 24 anos já foi recordista sul-americana e brasileira nos 50m Livre, em 2014 – marca alcançada no Troféu Maria Lenk (24s76). Nas duas últimas edições dos Jogos Pan-Americanos, 2011 e 2015, foi medalhista. A nadadora vai para sua segunda Olimpíada (esteve em Londres 2012).

Graciele começou a nadar aos 12 anos. Participou do seu primeiro Campeonato Brasileiro aos 14. Nadava no Clube Brilhante, de Pelotas, e em 2008 começou a competir pelo GNU, inicialmente trabalhando com o técnico Christiano Klaser e, desde 2009, com o técnico Frederico Guariglia, com quem treina até hoje.

 

A vaga de André Pereira

O nadador André Pereira garantiu a classificação para os Jogos Olímpicos de 2016, neste sábado (16), no Centro Aquático Olímpico, no Rio de Janeiro. O atleta do Grêmio Náutico União (GNU) fez o quarto melhor tempo nos 200m Livre durante o Troféu Maria Lenk, última seletiva olímpica, cravando 1min48s na disputa da Final A. Apesar do Brasil ainda não estar com vaga garantida, o país é o melhor na repescagem e possui grandes chances de se classificar.

Tenho 22 anos e nado desde os nove. É uma vida toda para chegar até aqui e fazer o melhor. Me cerquei de gente que queria meu bem e queria junto comigo que esse resultado acontecesse – ressaltou Pereira, emocionado, ao final da prova.

Natural de Osório, o atleta foi bronze nos 200m Livre do Troféu Maria Lenk 2015. O atleta já havia sido campeão brasileiro júnior em 2012. Na categoria, André já foi quarto lugar no mundial e vice-campeão do Multinations.

Pereira nada no GNU desde os 13 anos. Em seu primeiro ano no clube, deslocava-se diariamente para treinar em Porto Alegre, distante 100km de sua cidade natal. Com 14 anos, passou a morar na capital gaúcha, onde vive desde então. Veja no vídeo abaixo o agradecimento feito por ele logo após a prova:

 

Convênio CBC

A participação de parte da equipe do GNU, 23 atletas e quatro profissionais da equipe de apoio, tem o apoio da Confederação Brasileira de Clubes (CBC). O Clube mantém parceria com a entidade através do convênio 032, que direciona investimentos para custeio dos atletas em formação em competições, dentro e fora de Porto Alegre (RS).

Convênio Ministério do Esporte

A parceria com o Ministério do Esporte direciona investimentos para a aquisição de materiais, equipamentos e uniformes para os atletas de Alto Rendimento, promovendo a modernização da infraestrutura esportiva no Clube.

Logo - Ministério do Esporte [final]Logo - CBC [final]

 

Fotos: Anna Magagnin



Skip to content