Instagram Youtube Flickr

Natação do GNU é uma das melhores do Brasil

Entre os melhores do Brasil. Assim, o Grêmio Náutico União (GNU) pode definir sua participação no Troféu Maria Lenk 2016. Na colocação geral entre clubes, os unionistas ficaram na sexta posição, encerrando a competição com três medalhistas, uma atleta campeã e dois atletas classificados para os Jogos Olímpicos. Com 24 atletas em sua equipe, a participação exitosa do Clube na competição teve o apoio da Confederação Brasileira de Clubes (CBC) e Ministério do Esporte.

Realizada entre os 16 a 20 de abril no Centro Olímpico Aquático, no Rio de Janeiro, o campeonato serviu como seletiva olímpica e teve a participação de 350 atletas, de 58 clubes, de 11 países. O GNU marcou 220, 5 pontos, terminando como o melhor clube da Região Sul.

 

Dupla olímpica

Além da colocação que credencia a natação unionista como uma das melhores no Brasil, o Clube comemora um feito inédito: pela primeira vez terá dois nadadores nos Jogos Olímpicos.

A atleta Graciele Herrmann confirmou sua ida para a principal competição esportiva do planeta nos 50m Livre. A unionista alcançou o índice na primeira seletiva, em dezembro, com a marca de 24s92, tempo que não foi superado no Maria Lenk. Graciele será uma das brasileiras a representar o Brasil na prova (classificam dois por provas individuais). Será a segunda participação da atleta numa edição dos Jogos Olímpicos, a primeira foi em Londres 2012.

André Pereira obteve o quarto melhor tempo na prova de 200m livre com a marca 1min48s72, o que o credenciou a integrar a equipe brasileira no Revezamento 4x200m. A vaga do Brasil na prova será confirmada após a divulgação do Ranking da Federação Internacional de Natação (Fina), já que o país busca a classificação pela repescagem – o tempo brasileiro é o melhor entre todos os postulantes às quatro vagas restantes. O atleta, que fez no Maria Lenk a melhor marca da vida, estreará nos Jogos Olímpicos, aos 22 anos.

 

Outros destaques

Outro destaque unionista foi Viviane Jungblut, campeã brasileira nos 800m Livre e vice nos 400m Livre (bronze na série internacional). A nadadora tem 19 anos e treina desde criança no Clube, onde aprendeu a dar suas primeiras braçadas. Juliana Marin também subiu ao pódio, conquistou o bronze na prova de 200m Peito, na série nacional. Na prova dos 400m Livre Feminino, todas as unionistas na disputa (seis) se classificaram para a disputa das finais ( A ou B).

Em todos os dias, o Clube classificou atletas para as disputas finais. Ao todo, 13 unionistas disputaram finais ( A ou B) durante os seis dias de competição.  A delegação do GNU era composta por 24 atletas, três técnicos, um preparador físico, uma fisioterapeuta, uma psicóloga, uma jornalista e um técnico para análise biomecânica.

 

Convênios CBC

A participação de parte da delegação foi possível graças ao apoio da Confederação Brasileira de Clubes. Os investimentos firmados através do convênio 032 possibilitaram a participação de 23 atletas em formação e quatro pessoas da equipe de apoio, além de taxas de inscrição, transporte aéreo, hospedagem e verba para alimentação. E os firmados através do Convênio 07 permitiram a aquisição de uniformes.

 

Convênio Ministério do Esporte

A parceria com o Ministério do Esporte direciona investimentos para a aquisição de materiais, equipamentos e uniformes para os atletas de Alto Rendimento, que garantiram a modernização da infraestrutura esportiva no Clube.

Logo - CBC [final]Logo - Ministério do Esporte [final]

 

Fotos: Anna Magagnin



Skip to content