Instagram Youtube Flickr

Catamarã começa travessias para Sede Ilha do Pavão nesta quinta-feira

Investimento visa modernizar o transporte, já que as barcas utilizadas até essa quarta-feira (3) foram adquiridas na década de 1990. A renovação ainda proporciona maior conforto para os associados

 

O catamarã adquirido pelo Grêmio Náutico União (GNU) para qualificar as travessias realizadas entre a sua doca no Cais Mauá e a Sede Ilha do Pavão começa a operar nesta quinta-feira, 4 de outubro.

Sonho antigo, o investimento visa modernizar o transporte, já que as barcas utilizadas até essa quarta-feira (3) foram adquiridas na década de 1990. A renovação ainda proporciona maior conforto para os associados.

Batizado de Edu João de Deus, em homenagem a um saudoso dirigente unionista, o catamarã tem capacidade para cerca de 60 passageiros sentados. O investimento foi de R$ 995 mil. Uma pequena cerimônia na manhã desta quinta-feira marcará o batismo da embarcação. As barcas atuais serão utilizadas apenas como transporte reserva, em situações especiais.

 

Benefícios

Um dos benefícios do catamarã frente às embarcações utilizadas atualmente é o tempo de deslocamento, que agora passa de oito para quatro minutos na realização do mesmo trajeto – em um primeiro momento a tabela de horários será mantida, não havendo alteração nas viagens (clique aqui para conferi-la).

Destaque ainda para a estabilidade do novo transporte e, por consequência, uma viagem mais agradável. Um conforto possível graças à diferença física entre o catamarã e as duas barcas atuais, já que o primeiro é uma embarcação com duas canoas.

 

Foto de uma das barcas que realizam o transporte atualmente

Duas barcas usadas até essa quarta-feira são da década de 1990

 

> Clube adquire catamarã para travessia à sede náutica



Skip to content