Instagram Youtube Flickr

Minas campeão do CBI 2019. GNU termina em quarto

A equipe do Minas foi a grande campeã do Campeonato Brasileiro Interclubes Sub-19 Masculino de Vôlei. A competição foi realizada entre os dias 16 a 22 de setembro no ginásio Palácio dos Esportes e reuniu 13 equipes de sete estados. Na terceira edição do campeonato, apesar da final ter se mantido a mesma, entre Minas e Sada, diversas equipes demonstram evolução técnica, como o GNU. A equipe da Casa ficou em 9º lugar em 2017, 8º em 2018 e 4º em 2019.

“Foi a melhor participação nossa, a cada na o observamos uma evolução, no primeiro ano foi uma novidade muito grande, mas eles vão se acostumando com esse ambiente de campeonato brasileiro e vão se sentindo mais à vontade. O pessoal que está nas categorias de base vai também vivenciando esse ambiente e quando chegar pra jogar já estamos ambientando”, destaca Dênio Peixoto, coordenador do Departamento de Vôlei

Não somente para o GNU, mas o sentimento geral é de sucesso na organização no torneio e frutos positivos após três anos consecutivos de CBI. “O CBI para quem trabalha com categoria de base é uma motivação que traz pra nosso atletas pra se preparem no dia a dia e cada vez estaremos em um nível melhor”, enfatiza Dênio. “Tecnicamente, observamos que algumas equipes mantem em um nível muito bom, caso do Minas e Sada, até pelo alto investimento que eles fazem e outras equipes também observamos que a cada ano o trabalho vem evoluindo”, completa.

Outra diferença foi o aumento de competidores, enquanto na primeira edição do CBI foram onze equipes, ano passado, doze estiveram na equipe e neste ano foram treze, desta vez, todas com vínculo ao Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) entidade que propôs e apoio a realização de campeonato da base. É unanimidade em ter as comissões técnicas que neste tipo de competição, no caso do vôlei, estão os principais clubes formadores de atletas no país.

Final e decisão de 3º lugar

No último dia de disputas o CBI de Vôlei conheceu seu campeão. Em partida equilibrada duas equipes bem conhecidas entre si, já que ambas vêm de Minas Gerais e se encontram em diversas competições, duelaram pelo título. Com representantes na Seleção Brasileira de base, as equipes mineiras protagonizaram uma disputa técnica qualificada, que remete a jogos de equipes adultas. No Minas, cinco jogadores já vestem a camisa da Seleção Brasileira sub-19, Paulo Vinicius, Otavio Brasil, Leonardo Kihara, João Adriano e Gustavo Orlando. Os dois últimos também foram convocados para a seleção brasileira Sub 21. Já no Sada são seis jogadores com convocação para as seleções de base Guilherme Rech, Guilherme Marques, Lucas Fontanella, Matias, Pedro e Pietro.

A equipe do Minas vence pela segunda vez o CBI sub-19. Em 2018 os minastenistas também levaram o troféu pra casa, ao vencer também o Sada, campeão da edição 2017, justamente em cima do Minas.

Final : Minas 3 x 0 Sada ( parciais 18×25/21×25/21×25)
Disputa 3º lugar: GNU 2 x 3 Tijuca ( parciais 25×17/22×25/17×25/25×23/8×15)

“No Minas a gente trabalha desde as primeiras categorias o sistema defensivo, então nossa estratégia é sempre por aí, bloqueio forte e contra-ataque forte. Acho que hoje foi esse o diferencial, fizemos muitos pontos de bloqueios e a estratégia de saque muito boa e tudo fruto do trabalho que viemos fazendo durante todo o ano com essa molecada”, resumiu o treinador do Minas Fernando Martins.

Classificação final

1º Minas ( MG)
2º – Sada ( MG)
3º – Tijuca ( RJ)
4º – GNU
5º Olympico ( MG)
6º Fluminense ( RJ)
7º Flamengo ( RJ)
8º Botafogo ( RJ)
9º Círculo Militar ( PR)
10º Clube do Remo ( PA)
11º Sogipa ( RS)
12º Náutico ( PE)
13º Aero Clube ( RN)

O Campeonato Brasileiro Interclubes de Vôlei Sub-19 Masculino foi organizado pelo GNU com o apoio do CBC e das Confederação Brasileira e Federação Gaúcha de Voleibol. Viabilizado pelo Edital 07 do CBC, pelo terceiro ano consecutivo, o Clube é o anfitrião da competição que reúne os principais clubes formadores da modalidade no país. A cobertura completa você encontra em nossos canais oficiais, além de nossa site em nossos perfis de redes sociais (@gnuniao). Fotos do evento, diariamente na página do Facebook.

Fotos: André Antunes

 

Convênio

O GNU em parceria com o Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) investe na formação de seus atletas através de recursos descentralizados da Lei 13.756/18.



Skip to content