Instagram Youtube Flickr

Unionistas encerram participação com desempenho histórico

As três nadadoras representantes do Grêmio Náutico União que competiram nos Jogos Parapan-americanos, realizados em Lima, Peru, de 23 de agosto a 1º de setembro. Na melhor campanha do Brasil – a delegação ficou novamente em primeiro lugar – a subdelegação do Clube foi responsável pela conquista de cinco medalhas. Maria Caroline Santiago foi uma das paratletas que fez história. Ela venceu quatro provas e quebrou três recordes.

A pernambucana da categoria S12 que defende as cores do GNU levou a medalha de ouro nos 50m, 100m, 400m Livre e 100m Costas. Nas provas 100m Costas, 50m e 100m Livre a nadadora ainda quebrou recorde Parapan-americano. Maria Dayanne Silva conquistou a medalha de prata no Revezamento 4x100m Medley 34 pontos. Susana Schnandorf disputou várias finais e, por competir em categorias superiores a sua – ela disputa na S4 e disputou com nadadoras da S3 e S5 – em algumas provas fez as melhores marcas se computadas apenas os tempos de sua categoria.

“Estamos muito felizes com o resultado do Brasil nos Jogos Parapan e mais orgulhosos ainda em saber que nossas nadadoras contribuíram para este desempenho com cinco medalhas obtidas, mais uma prova de que este é o caminho”, resumiu o presidente José Naja Neme da Silva.

Confira o desempenho das unionistas:

Maria Carolina Santiago ( categoria S12)

Ouro – 100m Costas, 50m, 100m e 400m Livre categoria S12
4x100m livre 49 pontos – * equipe desclassificada

 

Maria Dayanne Silva ( categoria S6)

Prata – Revezamento 4x100m Medley 34 pontos
50m Borboleta S6 – 4º lugar
100m Costas S6 – 6º lugar
50m Livre S6 – 8º lugar
100m Livre S6 – 8º lugar

 

Susana Schnandorf ( categoria S4)

50m Costas S3 a S5 – 7º lugar
50m Livre S3 a S5 – 7º lugar
100m Peito SB3 a SB5– 5º lugar
100m Livre S3 a S5 – 6º lugar
200m Livre S3 a S5 – 4º lugar

Foto: João Mattos Fotografia



Skip to content