Instagram Youtube Flickr

União que faz escola

As confrarias gastronômicas do GNU literalmente fazem escola. O União Cooks completa, em 2020, 25 anos. E o União D’Elas fechou uma década. As confrarias têm opções de básico a avançado, além dos chamados cursos rápidos, que abrem possibilidade de aprendizado e aperfeiçoamento em diferentes níveis. A escolha dos chefs ministrantes obedece diversos critérios. Entre eles, serem reconhecidos na alta gastronomia ou que tenham projetos inovadores.

Nos últimos anos, aumentou a procura por novas formas de cozinhar para receber em casa com sofisticação. “Nosso público é de pessoas que não veem a gastronomia como um negócio. É uma grande oportunidade de aprimorar e diversificar o cardápio”, explica o coordenador da Confraria União Cooks, Jorge Ferla. Mesmo não tendo esse viés profissionalizante, os cursos são ministrados pelos melhores chefs do Estado. Às vezes, até de fora.

A Confraria União D’Elas, realizou neste ano o primeiro Curso Avançado. “Era uma solicitação frequente das alunas ao finalizarem as aulas do básico”, conta a coordenadora da Confraria, Eliana Saint Pastous Godoy.

Embora muitas iniciativas de cursos tenham surgido nos últimos anos, as atividades das confrarias têm um diferencial: são aulas práticas onde os alunos preparam seus próprios pratos, acompanhando o que os professores fazem e ensinam. “Não são aulas-show, como se vê bastante por aí”, diz Ferla. Aliás, a estrutura disponibilizada pelo União, com bancadas individuais e assistentes, é elogiada pelos chefs como um grande diferencial.

 

Ensinando e aprendendo

A chef Flávia Silveira é professora da Faculdade de Gastronomia da Unisinos e atua há 18 anos na docência. Foi uma das primeiras a ensinar na Confraria União Cooks, após ser convidada por dois confrades que frequentavam seu restaurante de culinária asiática. “Compartilhar o conhecimento é uma experiência gratificante.”

As aulas práticas também contam com conhecimento teórico e as bases da gastronomia. As confreiras da União D’Elas também tiveram aulas com ela. “Este tipo de iniciativa agrega ao nosso mercado de trabalho. São pessoas quefomentam esta área. A gastronomia só tem a ganhar com tudo isso” comemora.

A chef Andrea Schein foi pioneira entre os instrutores da confraria União D’Elas e deu aulas nos cursos dos Cooks. Com grande experiência como chef e professora, viaja pelo mundo, conhecendo sabores e fazendo pesquisas. Desde 2008, contribui com a formação de unionistas que escolheram a gastronomia para diversificar conhecimentos, fazer amigos e ter um novo lazer.

Coleciona muitas histórias. “Uma delas chama a atenção. A aluna contou o porquê de estar lá: a filha disse que seus netos não saberiam o que é comida de vó. E ela encontrou no curso uma forma de dar essa lembrança aos netos”, conta.

Outro nome entre os pioneiros nos cursos é o do senegalês Mamadou Sène. Um dos mais renomados chefs em atividade no RS, fez escola de gastronomia na França. Desde 1979, mora no Brasil. É colaborador das confrarias desde 2011. “Os cursos no GNU me permitiram atingir um público apreciador da boa comida e da boa mesa. Sinto-me lisonjeado e agradecido por atingir pessoas que querem conhecer a gastronomia.”

 

Inovar e renovar

Junto com a experiência dos tradicionais instrutores dos cursos, os dois professores mais jovens das confrarias são de fora do Estado, mas adotaram o RS como berço de seus projetos. No União, além de dividir conhecimentos, ganham experiência. Trazer novos nomes faz parte dos objetivos dos coordenadores das duas confrarias.

A francesa Jennifer Dahan tem 33 anos e está no Brasil há sete. Inaugurou sua pâtisserie em 2018. Bióloga de formação, aqui iniciou profissionalmente na gastronomia. A primeira experiência como professora foi na Confraria União D’Elas. “Eu adorei. Porque é bom interagir com pessoas interessadas no assunto, existe uma troca muito boa”, comenta.

O chef Gabriel Lourenço é natural de Jundiaí, SP, e também tem 33 anos. Desde os 21 atua na gastronomia como empreendimento (escola e catering) em Caxias do Sul. Ele conta que se trata de “uma realização em dobro”, já que tem a experiência de escola para não profissionais na Serra.

O trabalho com os confrades do União Cooks é enriquecedor também porque conta com pessoas de áreas e formações diferentes. “A culinária une. Não importa idade, classe ou formação de cada um. Todos estão lá em prol da cozinha.”

 

CURSOS 2020

Programação | União Cooks
INSCRIÇÕES ABERTAS

Curso de Novos – Turmas de até 30 alunos

15 encontros às terças-feiras

Início: 5/5/2020

Curso Avançado – Turmas de até 16 alunos

25 encontros às segundas-feiras

Início: 6/4/2020

Em abril, em comemoração aos 25 anos, haverá Semana Gastronômica com cinco noites de cursos rápidos, cada uma com um chef diferente.

 

Programação | União D’Elas
INSCRIÇÕES ABERTAS

Curso de Gastronomia – Turmas de até 30 alunas

Início: 2/4/2020

Curso Avançado – Turmas de até 16 alunas

Início: 1/4/2020



Skip to content