Instagram Youtube Flickr

Parceria entre GNU e CBC possibilita a atualização da estrutura esportiva do Clube

Assim como o Edital 6, de Recursos Humanos, desenvolvido através de convênio com o Comitê Brasileiro de Clubes (CBC), o Grêmio Náutico União (GNU) também encerra o ano de 2020 finalizando a execução do Edital 7, referente à aquisição de materiais e equipamentos esportivos no ciclo 2017/2020. Para receber os 117 novos itens, que somaram um investimento total de R$ 3.338.139,70 de verba pública, o Clube ficou responsável pela realização de competições esportivas em suas sedes. Adquiridos em 2020, estes equipamentos e materiais servem para atualização da estrutura esportiva, beneficiando as nove modalidades olímpicas do GNU ao longo do próximo ciclo 2021/2024.

Já as competições, os chamados CBIs (Campeonatos Brasileiros Interclubes), proporcionam intercâmbio fundamental na formação dos atletas de base entre as agremiações de todo o Brasil. É um incentivo à socialização e ao desenvolvimento dos esportes que, devido aos altos custos, seria inviável de se realizar. Elas são organizadas pelos clubes e pelas confederações das modalidades, mas é a CBC que custeia hospedagem e transporte para os atletas participantes. Sendo possível, assim, desenvolver o potencial dos esportistas e revelar cada vez mais talentos para o esporte brasileiro.

O edital mencionado anteriormente prevê, então, que clubes filiados à CBC sejam anfitriões de eventos do gênero em troca de investimentos em equipamentos para a prática esportiva. A parceria entre o GNU e a CBC, por exemplo, resultou na realização de três edições do Campeonato Brasileiro Interclubes de Vôlei Masculino Sub-19 (2017, 2018 e 2019), três etapas do Campeonato Brasileiro Interclubes Jovens Talentos de Remo (uma em 2017 e duas em 2019) e uma edição da Copa CBC CBDA de Natação.

‘É uma felicidade para nós recebermos aqui na sede Ilha do Pavão estas duas etapas do Jovens Talentos de Remo. Uma competição muito importante para o remo nacional, que fomenta inclusive as categorias da faixa etária de 14 a 16 anos, que são carentes de competições”, disse Manoel Azzi, Coordenador do Departamento de Remo do GNU. Sobre os materiais e equipamentos recebidos, ele complementa: eles melhoram a qualidade do trabalho realizado e oferecem uma segurança maior aos atletas, podendo ser utilizados tanto para processos de treinamentos quanto para competições. O Departamento de Remo tem muito a agradecer por esta parceria entre o GNU e o CBC”, completou.

O calendário previsto para 2020 era ainda mais intenso, com 11 competições na agenda unionista. No entanto, elas tiveram de ser canceladas em função da pandemia do novo coronavírus, sem data prevista para ocorrer.

 

Novas aquisições

Em julho, o GNU iniciou a execução da segunda fase do projeto: a aquisição dos itens que faziam parte do projeto através de pregões eletrônicos. Em novembro, parte dos itens foram recebidos. Entre eles: blocos de partida para a natação, com capas e suporte de saída de costas, bolas e redes de vôlei, raquetes de tênis, plataforma flutuante de polietileno modular para o remo, tapete oficial para ginástica rítmica, dinamômetro isométrico (para medir a força muscular), resfriamento Game Ready (sistema de tratamento de lesões) e placares eletrônicos para os ginásios poliesportivos.

“A parceria entre GNU e CBC tem sido de extrema importância para nós. O União se destaca como um clube formador e tem como objetivo a mais alta conquista esportiva: a medalha olímpica. Estes aportes são importantes para o desenvolvimento seguro e eficiente dos trabalhos realizados nos departamentos esportivos”, afirmou o Gerente de Esportes do GNU, Joel Prates.

Entre novembro e dezembro foram entregues os demais itens, que beneficiarão as nove modalidades olímpicas (basquete, esgrima, ginástica artística, ginástica rítmica, judô, natação, remo, tênis e vôlei), além da área médica e de treinamento físico. Todos foram encaminhados às suas modalidades solicitantes e colocados à disposição das equipes técnicas e atletas.

“A execução deste projeto junto ao CBC, foi de extrema importância para a atualização da nossa estrutura esportiva, possuímos uma excelente infraestrutura de atendimento aos atletas e esta composição só nos faz agradecer esta parceria. Foi um ano difícil para o esporte, mas através dos projetos conseguimos manter o investimento no Clube e atender o Programa de Formação de Atletas do CBC, beneficiando nossas equipes”, finalizou Luciana Miotto, Coordenadora de Projetos Esportivos do GNU.

 

Foto: João Mattos Fotografia



Aplicativo GNU

Skip to content