Instagram Youtube Flickr

Equipe de Tênis do GNU recebe atletas internacionais para período de intercâmbio

Uma troca de experiências entre culturas diferentes. É assim que a equipe de Tênis do GNU tem recebido com freqüência atletas de vários lugares do mundo para um período de intercâmbio e treinamentos na sede União Petrópole. Uma rotina que desde o último dia 16, trouxe o tenista inglês Oscar Markwick de 11 anos, para uma semana de treinos e contato com a cultura brasileira.

Atleta do clube Coolhurst Tênis and Squash Club, Oscar é filho de pai britânico e mãe brasileira. O jovem, que antes da pandemia de Covid-19, participou de dois torneios locais, em Londres, vencendo o torneio de duplas, e ficando com o vice-campeonato na chave de simples. Com o tio de Oscar como sócio do GNU, fato que foi importante para a realização do intercambio, ele fez questão de enfatizar a estrutura do clube: “O clube é muito bom, gostei muito. Ótimo para treinar o Tênis e também outras modalidades!”, disse.

Mas se engana quem acha que apenas o Tênis é a modalidade preferida do jovem Oscar. Entre a rotina de treinamentos na sede União Petrópole, o reencontro com familiares na praia de Atlântida, ele ainda arrumou tempo para treinar na escolinha de futebol do Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense, na zona sul da capital. Torcedor do Arsenal Football Club, tradicional clube londrino, Oscar gosta de jogar como atacante pelo lado direito, e faz questão de treinar Tênis usando a calça do seu clube de coração.

Sob os olhares dos treinadores Guilherme Gijsen e Luís Felipe Rosa, eles fizeram questão de destacar a importância do intercâmbio entre atletas de outros países, que vêem no GNU a estrutura ideal para treinamentos: “O que acontece no intercâmbio, é uma troca cultural e tenística, que acaba sendo importante para o atleta, que também absorve uma nova cultura”, disse Rosa.

Com histórico em receber desportistas vindos de outros países, a equipe infanto-juvenil de tênis do Grêmio Náutico União segue recebendo atletas internacionais para intercâmbio. A equipe já contou com jogadores vindos de Portugal, Inglaterra, Croácia, Itália, Estados Unidos, França, entre outros.

Por fim, após três anos sem vir ao Brasil, o período de intercâmbio de Oscar se encerra nesta terça-feira (26), quando ele embarca de volta para Londres, onde ainda disputará torneios de tênis locais, no mês de novembro. Retornando ao Brasil no mês de dezembro para as celebrações de final de ano com a família.

Sobre a equipe de Tênis:

Com uma jovem equipe, vencedora de torneios estaduais, nacionais e internacionais, o Grêmio Náutico União (GNU) é um revelador de talentos no tênis – esporte praticado desde a virada das décadas de 1950 e 1960 no Clube. Característica possível, em parte, pela infraestrutura oferecida nas sedes Alto Petrópolis e União Petrópole, que dispõem de 22 quadras.



Aplicativo GNU

Skip to content